• Autor Teresa Rhyne
  • Ilustrador
  • Coleção Memória Inspiracional
  • ISBN 9789896682507
  • PVP 17,69 € (IVA incluído)
  • preço livre
  • 1ª Edição 17-07-2014
  • Edição atual
  • Páginas 320
  • Apresentação Capa mole
  • Dimensões 150 x 230 x 21 mm
  • Idade

A história real e comovente da luta de um cão e de uma mulher contra o cancro, e do amor que os uniu.

Teresa J. Rhyne está a tentar reestruturar a sua vida depois de dois casamentos fracassados e da morte dos seus cães — muda de casa, tem um namorado novo e adota um cachorrinho. E, como qualquer cãozinho, Seamus é desastrado, barulhento e travesso.

Pouco tempo depois de ter adotado o incorrigível Seamus, Teresa descobre que ele tem um tumor maligno e menos de um ano de vida. O diagnóstico deixa-a devastada, mas decide lutar e aprender tudo o que está ao seu alcance sobre o melhor tratamento para o seu cão.

O período que se seguiu foi desolador, mas Seamus sobreviveu.

O que Teresa não podia adivinhar é que se estava a preparar para o próximo grande obstáculo da sua vida: um diagnóstico de cancro da mama. Começa então a sua própria batalha: os tratamentos, os efeitos secundários, a depressão. Mas Seamus não deixou que ela desistisse.

A história de Seamus e de Teresa é uma lição de vida, recheada de momentos hilariantes e travessuras que só um cachorrinho poderia protagonizar… E com um final feliz e inspirador.

Chamo-me Teresa J. Rhyne e sou advogada, escritora, sobrevivente de cancro, defensora dos animais, vegan, aficionada de vinhos, amante de livros, viciada em café, e, graças aos meus beagles sempre felizes, uma otimista relutante.

O Chris e eu ainda estamos juntos, felizes e saudáveis, mas não casámos. Para quê mexer na perfeição? Continuamos a viver na Califórnia e comemorámos 10 anos de vida em comum no dia 12 de junho de 2014.

O nosso muito amado, e diabolicamente charmoso, Seamus faleceu no dia 19 de março de 2013. Ficámos devastados mas encontrámos algum consolo no facto de a sua história enternecedora ter viajado pelo mundo fora e estar já traduzida em várias línguas. O seu legado continua vivo e tem vindo a ajudar e a inspirar leitores por toda a parte.